Skip to main content
Fatores que influenciam na Injeção de Plástico

Injeção de Plástico: Fatores que influenciam na qualidade final do produto

O objetivo do artigo de hoje é informar de forma clara e objetiva, aos colaboradores dos diversos setores envolvidos na produção através da Injeção de Plástico sobre os principais itens e as respectivas variáveis que podem influenciar na qualidade e desempenho do produto final. Vamos lá!

A qualidade e/ou produtividade estão relacionados a 3 fatores principais, que muitas vezes são dependentes um do outro:

Processo de Injeção de Plástico

A qualidade da peça injetada está diretamente relacionada com o comportamento do material durante o enchimento da cavidade

Comportamento do Material

Modelo esquemático de frente de fluxo durante o preenchimento do molde

A medida que o polímero começa a penetrar no molde, resfria-se muito rapidamente, formando numerosas camadas solidificadas junto às paredes frias do molde, passando a se locomover pela parte centrar da cavidade que permanece fundida.

Inicialmente, a camada congelada é muito fina e a troca de calor entre o polímero fundido e o molde é maior. Isso resulta em mais polímero sendo solidificado, aumentando a espessura dessa camada e, consequentemente, diminuindo a área do núcleo por onde o polímero fundido passa.

As camadas do polímero não se movem na mesma velocidade, pois ocorre um arraste das camadas, uma sobre as outras, resultando num atrito entre as moléculas.

O atrito entre o polímero fundido e as camadas solidificadas geram tensão de cisalhamento entre essas diversas camadas, provocando uma orientação das cadeias moleculares no sentido do fluxo.

Molde: Exemplos de canais de distribuição na Injeção do Plástico

Confira exemplos de canais de distribuição recomendados e não recomendados para a produção via injeção de plástico:

Canais de distribuição do plástico

Molde: Importância do poço frio

Importância do poco frio

Peça sem manchas - a importância da temperatura

Molde: Importância da uniformidade de temperatura

Uniformidade da temperatura

Considerações gerais do molde

– No molde não existe uma grande quantidade de variáveis e elas podem ser facilmente monitoradas.

– Também é no molde que podem ser usados sensores para controlar variáveis de processo de injeção do plástico.

– É muito importante validar um design review com os departamentos envolvidos antes de liberar o molde para construção considerando os seguintes pontos:

  • Geometria do produto e ângulos de saída.
  • Canais de distribuição / câmara quente.
  • Sistema de controle de temperatura.
  • Confiabilidade mecânica das partes móveis.
  • Definir plano de manutenção preventiva.

Considerações gerais sobre o material usado na injeção

– No material pode existir alguma variação, mas sempre dentro de uma faixa pré estabelecida, que normalmente em processos bem definidos e moldes adequados não causam outros problemas.

– Devido às características particulares de cada família de material e um grande número de grades em cada família, obviamente é importante fazer um estudo detalhado para que o material mais adequado seja empregado em cada aplicação.

Processo: Importância da secagem do material

Como podemos perceber no gráfico acima, o tempo de secagem interfere diretamente na resistência do produto final fabricado via injeção de plástico.

Secagem do Material Plastico

Processo: Temperaturas de material e molde

Temperaturas do material e do molde plástico

Processo: Influência de temperatura e pressão

Injecao do Plastico - temperatura e pressao

Processo: Considerações gerais

Para finalizar, vamos às considerações gerais acerca do processo:

– Devido à grande quantidade de variáveis, é no processo que se concentram as maiores chances de interferência na qualidade e desempenho do produto final.

– Algumas das principais variáveis de processo:

  • Teor de umidade (tempo e temperatura de secagem)
  • Temperatura de material e tempo de residência no cilindro
  • No caso de moldes com câmara quente o controle de temperatura e enchimento das cavidades
  • Controle de temperatura do molde
  • Velocidade e pressão de injeção
  • Tempo e pressão de recalque
  • Retrabalho após a injeção (ultrassom, usinagem etc)

Continue acompanhando o nosso blog para mais conteúdos sobre o mercado do plástico. Até a próxima!

Por: José Ivo Peranovich

 

 

Related Post

2 comentários em “Injeção de Plástico: Fatores que influenciam na qualidade final do produto

  1. Boa tarde, gostaria de saber se é possível a injeção de mais de uma resina na mesma injetora, por exemplo: PS e depois PP? E se sim quais os procedimentos para “limpeza” do canhão para mudar as resinas? Obrigado

    1. As injetoras podem processar diferentes tipos de resina, para isso, basta ajustar temperaturas do cilindro e outros parâmetros de injeção. Existem diversos tipos de produtos para a limpeza, e devem ser considerados quais os materiais envolvidos na transição, mas normalmente pode ser usado o próprio PS. Você deve fechar a alimentação e eliminar todo o material do cilindro antes de iniciar com o novo material.
      Os cuidados com troca de materiais coloridos para depois iniciar com branco ou transparente devem ser muito planejados para evitar perdas na transição. Se você ainda tiver dúvidas sobre o processo, entre em contato conosco através do 4003-6777, um dos nossos técnicos poderá orientá-lo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *