Skip to main content
Importância das Embalagens Plásticas

Embalagens Plásticas: Por que são indispensáveis?

As embalagens são fundamentais em nosso dia a dia, sobretudo em nossa alimentação. Porém, mais do que funcionais, as embalagens plásticas trazem outros benefícios tanto para a saúde quanto para evitar desperdícios.

Você sabia que mais de um bilhão de toneladas de alimentos são desperdiçadas todos os anos? Isso contando todo o ciclo de vida dele, desde a etapa de produção até o momento em que é adquirido pelo consumidor final.

E o plástico desempenha um papel crucial na redução desse número exorbitante. Continue lendo nosso artigo para saber mais.

Importância das Embalagens Plásticas

Antes de mais nada é preciso destacar a importância dos produtos plásticos em toda e qualquer cadeia de produção. Como o artigo de hoje é mais voltado à área alimentícia, podemos exemplificar nesse segmento, mais precisamente na agricultura.

Desde as tubulações até o própria sistema de irrigação, o plástico se faz presente, seja em componentes específicos ou em grande parte do sistema.

Depois, durante o armazenamento e transporte, vemos mais uma vez diversos itens plásticos: peças de máquinas, estrados, caixas e sacas que possuem polímeros em sua composição. E assim por diante, ele aparece constantemente, e varia de acordo com a aplicação.

Aproveite e leia também: Fatores que influenciam na qualidade final do plástico.

Voltando ao tema central do artigo, veja por que as embalagens plásticas assumiram esse protagonismo na indústria alimentícia.

Redução do Desperdício

A maior questão é a do desperdício alimentício. Aquela informação que citamos no início do artigo, acerca do desperdício de mais de 1 bilhão de toneladas de alimentos todo ano, é de uma pesquisa realizada pela empresa britânica Trucost, apoiada pela Braskem.

Quando a palavra desperdício de alimento vem à cabeça, logo imaginamos o desperdício individual/familiar, ou seja, aquele do consumidor final, quando um produto vence ou não é ingerido. Entretanto, quando focamos nesse conceito, deixamos de lado algumas “externalidades”.

As externalidades são literalmente todos os esforços envolvidos na produção: o tempo humano levado para produzir, os insumos (energia, combustível e afins) da produção e transporte, os impactos ambientais e muitas outras coisas.

Quando o desperdício é avaliado englobando as externalidades, percebemos a importância de consumir (e descartar) conscientemente.

Veja um vídeo dinâmico que trata dessa questão clicando aqui.

Sob essa ótica, a embalagem plástica é um componente preciso no combate ao desperdício, visto que protege com eficácia os alimentos, permitindo que menos comida acabe indo para o lixo durante a produção, distribuição, transporte e armazenamento. E se tratando de alimentos perecíveis, o plástico contribui para a conservação dos mesmos, devido a suas características impermeáveis.

Saúde

A higiene trazida pelas embalagens plásticas é notável, basta lembrarmos da tentativa de substituir as sacolinhas plásticas: vários especialistas comentaram sobre os riscos da reutilização de outros materiais, todos relacionados à proliferação de bactérias.

O mesmo acontece com iogurtes, carnes e outros alimentos – o plástico é uma saída higiênica ao consumidor, que adquire um produto livre de organismos que possam afetar negativamente a sua saúde.

Praticidade e Personalização

O modo de vida acelerado exige soluções rápidas e dinâmicas para o dia a dia, e o que melhor do que um material leve, resistente e que pode ser personalizado de acordo com a demanda?

As embalagens plásticas atribuíram ao mercado uma facilidade enorme que, unida a sua capacidade de personalização, não apenas em forma, mas também em disponibilizar informações relevantes ao consumidor, tornaram-nas indispensáveis.

Aproveite e leia também Sobrevida do Plástico: 5 Formas de Reutilizar Resíduos que você não sabia que existiam.

As embalagens plásticas são fundamentais na cadeia produtiva de alimentos, atribuindo benefícios ao consumidor, ao produtor e aos revendedores. Quanto ao impacto ambiental do plástico, as soluções mais eficazes para combater essa problemática são descarte e consumo conscientes. Continue acompanhando o nosso blog para mais conteúdo!

Related Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *